Enroladinho de salsicha super facil de fazer

PrintTumblrShare

Como sempre digo aqui o que eu mais gosto quando procuro uma receita é que ela seja simples… esse negocio de passar o dia na cozinha pra fazer alguns quitutes não faz minha cabeça, nem combina com meu dia-a-dia.

Então achei mais essa, super simples de fazer, não vai nem ovo! com o fermento de saquinho (muito mais pratico do que o de tablete) e testei… ficou demais.

O bom dessa receita é que rende bastante, não fica ruim depois de fria e as crianças adoram pra levar de lanche na escola… alias foi com esse propósito que fiz mesmo.

Ingredientes:

200 ml (1 xícara e 1/2) de água morna
1/2 xícara de óleo
2 colheres (sopa) de açúcar
1/2 colher (sopa) de sal
1 colher (sopa) de fermento biológico seco que equivale a 1 sachet (não é o fermento Royal )
1/2 kg de farinha de trigo mais ou menos
15 salsichas aproximadamente

 Modo de preparo:

Junte todos os ingredientes (com exceção da farinha de trigo) e misture. Depois vá despejando a farinha aos poucos enquanto vai apertando a massa. Usei um pouco mais de 1/2 kilo e sim, eu sovei, bem pouco mas sovei. Não precisa.

Em uma superfície lisa, espalhe farinha e pegue uma bolinha de massa. Abra com o rolo da largura da salsicha e vá enrolando e modelando. O ideal é que fique uma camada fina, porque ela vai crescer enquanto assa… corte em aproximadamente 4 pedaços depois de enrolar a massa, porem se quiser como aperitivo corte bem fininho.

Coloque numa forma untada com óleo.

Pincele com gema de ovo e leve ao forno pré-aquecido a 200º. O tempo varia muito de forno pra forno, mas no meu ficou entre 20 e 30 minutos.

Também dá pra fazer com presunto e queijo ou com goiabada… variar é a idéia mas usando a mesma massa, que é muito simples de fazer por sinal.

image

Espero que gostem,

Bom apetite,

Fabi

Marcado com: , , , , , , , , ,
Publicado em Um pouco de tudo

Pão fofinho e muito fácil de fazer

PrintTumblrShare

Eu sou adepta do fermento em tablete desde que me conheço por gente, pra fazer massas e pães.

Eis que dia desses muito descrente, resolvi testar o fermento biológico em pó para ver se os pães ficavam comestíveis ou bons… Me surpreendi, ficaram sim!

Resolvi então passar a receita pra voces.

Bata no liquidificador

250 ml de leite morno

2 ovos

2 colheres de sopa de açucar

1/2 colher de sopa de sal

5 gramas ou 1/2 pacote do fermento biológico em pó

40 ml de óleo

1 colher de sopa rasa de margarina

Depois acrescente farinha a essa mistura, o suficiente para formar uma massa que desgrude das mãos. Será aproximadamente 700 grs de farinha de trigo.

Faça os pãezinhos e coloque numa forma untada por aproximadamente 25 minutos para crescer

Uma dica: se cobrir com panos úmidos o pão não resseca e fica com uma aparência “saudável”

Depois coloque em forno médio ate que dourem. Detalhe, ele termina de crescer no forno!

image

Bon apetit

Fabi

Marcado com: , , , , , , , , , ,
Publicado em Um pouco de tudo

6×6 Janeiro, férias!

PrintTumblrShare

Nada como uma semana relaxante pra proporcionar fotos bacanas ne?

Eu viajei com os meninos pra Foz do Iguaçu pois queríamos conhecer as Cataratas. Além dela ficamos num Hotel fantástico cheio de atividades piscinas e comidas boas e também aproveitamos para passar no Paraguai e na Argentina… ou seja quase uma viagem internacional heuheu

Bom, nem preciso dizer que adorei, vou deixar as fotos falarem por mim.

A unica coisa dificil foi me separar do meu mascote, o Dex, morremos de saudades!

1) O hotel

image

2) Passeio fantastico no Parque das Aves

image

3) curtindo uma piscina

image

4) Sorvetinho com as crianças

image

5) As Cataratas, que lugar absurdamente poderoso e lindo. Foto aérea pois passeamos de helicoptero para conhece-la, foi demais

image

6) depois de novo, dessa vez na trilha a pé e bem de pertinho. A energia do lugar é demais eu me senti revigorada

image

Bom, foi isso, agora de volta a rotina, que também não é ruim.

Que 2015 seja maravilhoso pra todos nós,

Beijos

Fabi

 

Marcado com: , , , , , , , , , , , , , ,
Publicado em Um pouco de tudo

Turbante! Um acessório atemporal

PrintTumblrShare

A Alessandra Campos, que fez com que esse post saísse do rascunho, é uma amiga de infância muito querida.

A vida nos distanciou e nos levou uma para cada caminho mas por uma dessas alegrias das redes sociais (uma vantagem enfim) nos reencontramos. Não pessoalmente ainda por incompatibilidade de agendas né amiga? Mas virtualmente o que já é uma delicia.

A Ale se tornou uma moça exuberante e cheia de atitude, pelo que estou acompanhando uma escritora sagaz e apaixonada do cotidiano dessa cidade grande, assim como uma fotografa incrível e claro, dona dos turbantes mais fofos e das selfies mais criativas da minha blogoesfera… então claro, convidei-a, ela topou o desafio e o resultado está ai pra voces, de bandeja… Enjoy!

Comecei a usar turbantes para dar um toque a mais no visual! Um dia, vendo uma entrevista da Déborah Secco em um dos programas da GNT me chamou a atenção um lenço de seda que ela amarrou por cima do cabelo de forma descomprometida! Então me lembrei que uma amiga tinha me trazido uma echarpe bem bonita do Marrocos, que quase nunca usava por falta de opção! Peguei a peça e comecei a experimentar umas amarrações. Esse foi o primeiro passo pra transformar esse acessório num coringa e criar looks incríveis. Ele também vale para você que não suporta deixar o seu cabelo solto na praia e mesmo assim quer continuar bonita sem perder o estilo. Os lenços podem ser usados em vários tipos de penteados: coques, rabos de cavalos ou como turbante na cabeça toda. Aqui apresento três formas pra você dar o pontapé inicial na sua criatividade apostando nesse acessório sem erro. Onde comprar: Atualmente existe no mercado alternativo os lenços aramados! Para quem não tem muita destreza com as amarrações considero esses os de manuseio mais simples. Por conta do arame, ele se molda de um jeito bem fácil na cabeça! Você pode encontrá-los em quiosques de feirinhas de moda como as que acontecem aos domingos no Center 3, no sábado na Benedito Calixto ou nas lojinhas de venda coletiva no Baixo Augusta. Se preferir os Lenços de seda, bem mais finos, acho maravilhosos os criados pela Scarf Me. As estampas são exclusivas e eles só trabalham com seda pura de alta qualidade! Pra quem pode colocar a mão no bolso, recomendo. Já quem prefere gastar menos e ter uma variedade de estampas tem a Pashmina onde é possível encontrar uma variedade de opções.

http://aleidesmaria@blogspot.com

http://pashminas.com.br

http://www.scarfme.com.br/lencos

Sugestão: vale de tudo na hora de usar lenços, desde pequenininhos de voal, até echarpes que podem ser usadas com essa função. As cangas de tecido mais fininho também podem render um bonito turbante, basta soltar a imaginação. Experimente!

image

trim.B80E5977-F9CE-42D6-833C-D23413923242

image

trim.C1D99658-FDD3-457C-A641-8C12252BE2EB

image

trim.A76997B2-A193-4228-9FF5-D27012504109

Achei mais alguns endereços online para adquirir os turbantes:

Boutique de Kriola

Tula Casqueteria

Amo Muito

Espero que voces gostem,

Fabi

PS: os vídeos estão demais, não percam de olhar! <3

Marcado com: , , , , , , , , , , , ,
Publicado em Um pouco de tudo

6 x 6 de Dezembro

PrintTumblrShare

E pra fechar com chave de ouro, o ultimo mês do ano, o mês do aniversario do filhão, do Natal, da correria, presentes e finalmente FERIAS!!!

1) antes do encerramento eu fiz a estréia das minhas sapatilhas de ponta…

image

2) e depois teve aula temática, vermelho e preto, e eu com minha professora de classico

image

3) eu fiz o bolo do aniversario do Tomás claro e foi um sucesso

image

4) dae comemoramos em casa, os três mosqueteiros

image

5) teve o Dexter viajando pela primeira vez de avião

image

6) e o Natal com as minas/manas :)

image

E foi isso… já estamos em 2015, da pra acreditar?

Feliz Ano Novo a todos!

Beijos

Fabi

Marcado com: , , , , , , , , ,
Publicado em Um pouco de tudo

Cookie de Brownie existe e é divino!

PrintTumblrShare

Eu via esses cookies nos instagram de culinária americanos e ficava babando, com a aparência craquelada e eles pareciam tão saborosos! Eu queria muito experimentar, mas não sabia o nome em português, nem como procurar.

Hoje porém eu decidi que não ia sair da internet ate que achasse um modo de faze-los então descobri que ele junta duas coisas muito deliciosas, cookies de chocolate e brownie, preciso falar mais?

Ele fica macio e praticamente derretendo por dentro, vale cada mordida!

image

INGREDIENTES

1/4 de xícara de chá de farinha
1/4 de colher de chá de fermento em pó
300g de chocolate meio amargo
2 colheres de sopa de manteiga
2 ovos
2/3 de xícara de chá de açúcar
1 colher de chá de extrato de baunilha
sal

ATENCAO! MUDEI A QUANTIDADE DE CHOCOLATE PARA 300 SENDO 200 DERRETIDOS E 100 PICADOS
MODO DE PREPARO

Misture a farinha e o fermento. Reserve.

Pique todo o chocolate e separe em 2 porções: uma de 200g e uma de 100g.

Coloque 200g de chocolate picado e a manteiga em um bowl que possa ir ao microondas. Ligue o microondas em incrementos de 30 segundos, mexendo entre cada etapa, até o chocolate e a manteiga estarem derretidos. (Cuidado para não queimar o chocolate.) Reserve.

Na batedeira com o batedor de arame, bata os ovos o açúcar e a baunilha até ficar um creme bem fofo e esbranquiçado, cerca de 10 minutos.

Adicione o chocolate derretido e bata novamente até misturar. Por fim, incorpore a mistura de farinha e os 100g de chocolate picados.

Leve a massa à geladeira por 10 minutos no minimo, quanto mais gelada melhor.

Enquanto a massa descansa na geladeira, forre as formas com papel manteiga e pré-aqueça o forno a 180 graus.

Com a ajuda de 2 colheres, coloque montinhos de massa nas formas preparadas, deixando espaço entre elas. Salpique sal sobre os cookies antes de levar ao forno. Leve ao forno por 10 minutos (somente 10 minutos) até elas estufarem e ficarem opacas na superfície. Ele ainda está mole quando sai do forno, não assuste.

Deixe os cookies esfriarem na forma. Depois de frios, retire da forma e guarde em potes fechados.

image

Depois de prontos eu simplesmente delirei de emoção pois ficaram perfeitos, do jeito que sempre vi por ae e com um gosto maravilhoso! Por esse motivo eu decidi dividir a receita com voces.

Espero que gostem,

Beijos

Fabi

Marcado com: , , , , , , , , , , ,
Publicado em Um pouco de tudo

6×6 Novembro

PrintTumblrShare

Novembro não foi um mês muito legal, eu fiquei bem doente… mas enfim como tudo na vida passa eu não morri, só acrescentei mais alguns comprimidos e exames a minha rotina.

Isso sempre me mostra que a idade chega pra todo mundo e com ela as complicações também, que saco!

Mas como nem tudo são as tragédias da vida eu separei alguns bons momentos pra voces.

1) ganhei presente do Nico, e posso falar? viciei nessas pipocas gourmet, a de chocolate meu Deus, que delicia

image

2) teve culinaria de coração

image

3) e o meu filhinho peludo vestido de xadrez

image

4) fui até no clube, maior raridade… o sol até se assustou

image

5) também fui prestigiar minha afilhada bailarina, que dançou o Magico de Oz

image

6) e claro, eu dancei muito também pois praticar é preciso

image

Enfim, foi isso, mes que vem tem mais seus lindos…

Beijo grande

Fabi

Marcado com: , , , , , ,
Publicado em Um pouco de tudo

Receita de Esfiha Tradicional

PrintTumblrShare

Eu vou falar um negocio muito serio pra voces, eu detesto dar receita salgada pq eu nunca sei direito como eu fiz, a quantidade, eu tempero tudo a olho, quando tem recheio eu nunca faço igual… enfim, sou uma negação com medidas.

Quando a receita é doce eu até me empenho em segui-la direitinho mas quando é salgada eu sempre mudo tudo dae… não sei transcrever…

Mas tudo bem vai, de esfiha não tem erro.

Antes que me perguntem essa não é a receita da minha mãe pq aquela vai batata é muito demorada e chata de fazer então encontrei uma alternativa boa e menos complicada ok?

Aqui vai:

1 kilo de farinha

100 gramas de fermento biologico

150 ml de oleo

300 ml de leite

3 colheres sopa de açúcar

1 colher sopa de sal

3 ovos

Recheio

500 gramas de patinho moído duas vezes

2 cebolas raladas ou picadas

2 tomates picados

sal a gosto

temperos a gosto

Para o preparo da massa coloque o fermento no leite morno e mexa até dissolver, depois acrescente o óleo, açúcar, sal e as claras (reserve as gemas).

Misture bem.

Acrescente a farinha aos poucos até a massa desgrudar dos dedos. Sove bastante numa superfície enfarinhada.

Faça bolinhas no tamanho da mão em concha e deixe descansar por 30 minutos.

Quando elas dobrarem de tamanho abra a massa, coloque o recheio, pincele a gema por cima deixe descansar por mais cinco minutos e coloque para assar em forno pré-aquecido até dourar.

Rende aproximadamente 60 esfihas

image

Bom apetite,

Fabi

Marcado com: , , , , , , , , , , , ,
Publicado em Um pouco de tudo

Resumindo o que vi de Downton Abbey (contém spoiler)

PrintTumblrShare

imageA história se passa na Inglaterra em meados de 1915, primeira guerra, crise etc, numa propriedade aristrocática chamada Downton Abbey.

O local pertence a Cora uma herdeira riquíssima, ela é poderosíssima, de algum figurão americano que de bobo não tem nada e eu já já explico pq.

Ela é casada com o tiozinho lá que só casou com ela pq ela era poderosíssima e pq ia herdar Downton, o trabalho de uma vida inteiro o lugar preferido no mundo pra ele… mas depois ele aprende a gostar dela e tudo mais, aquela coisa de sempre.

Eles tem 3 filhas.

Mas no fundo quem manda em tudo é a Condessa (Duquesa? agora fiquei em duvida) viúva, a professora Minerva do Harry Potter que me faz dar muitas risadas ao longo dos episódios com as melhores frases de todos dos tempos… vou dar exemplos: numa briga quebram um vaso e pedem desculpa a ela e ela diz “oh dear, eu ganhei esse vaso horroroso de uma tia fulana e eu o odiei por 50 anos, ainda bem que agora não precisarei mais conviver com ele”, outra “não seja derrotista querida, isso é tão classe média”… enfim ela manda, desmanda, arma e tem uma língua ferina que só ela, minha personagem favorita na trama.

image

As meninas de Downton são: a mais velha, Mary uma danadinha que se acha a rainha da cocada preta. A do meio que de tão ferrada na trama eu nem lembro o nome, ah sim lembrei, Edith… meu deus ninguém quer essa mulher, fico ate deprimida. Isso prova a máxima de que se vc é filho do meio parabéns, vc não é nada. E a mais nova, uma revoltadinha decidida a mudar o mundo chamada Sybill que vai fazer um monte de merda em que eu só fico pensando “fia, apenas pare!”

De outro lado da trama tem o dia-a-dia dos empregados de Downton Abbey que abdicam de suas vidas pessoais para  servir os seus milordes pra sempre, com extrema dedicação e absoluta resignação, salvo algumas exceções como Thomas (que pensei que ia tomar uns tombos na vida e melhorar mas não, continua uma peste) e uma tiazinha rancorosa lá que depois de muito se ferrar muda de lado, a Sra. O’Brien.

Dae que a propriedade vai ter novo dono pq o pai da Cora de tonto não tem nada e na época mulheres tbm não mandavam nada e como eles só tem filhas, passa a propriedade para um primo que morre no Titanic e aparece então um outro primo que CLARO, não queria a herança de jeito nenhum é um homem honesto trabalhador, o que não combina com sua profissão de advogado, heuheu não pude evitar a piadinha, com uma voz grossa bem apessoado e elegante chamado Matthew, por quem logo a safadinha da mais velha se ve caída de ódio e no minuto seguinte rezando “me leva”. O amor é tanto que o roteirista da série mata até uma branquela azeda denominada “a noiva do Matthew” na trama pra dar certo de os dois ficarem juntos.

Morri de pena tadinha da noiva, sumiram com ela na gripe espanhola, well… voltando…

O primo tem uma mãe super moderna pra época, que gosta de trabalhar, coisa que nenhuma aristocrata sequer sabia como funcionava (o melhor foi o dia que a viúva disse que não sabia o que era fim de semana), os dois não estão acostumados com toda pompa e circunstancia mas com o tempo são aceitos no seio da família. Não sem antes ele quase morrer na guerra, ficar paralítico, ameaçado de nunca performar e depois como que por milagre voltar a andar eeeeee.

A mais nova resolve trabalhar na guerra tbm de enfermeira e se apaixona pelo motorista. Ate aí tudo bem… mas o motorista é socialista e (pausa dramática) irlandês. Nessa hora que eu digo, para que ta micão fia… mas não tem jeito, ela casa com ele e vai morar com a sogra na Irlanda. Eu bem que tentei avisar, tsc tsc tsc.

Nesse meio tempo a irmã do meio gosta de um local, um velho, um deformado de guerra e fica com o total de ZERO bofes… coitada.

Bom, eu to na parte que tudo vai dar errado pq esse povo não sabia investir dinheiro… mas claro que já to prevendo que o fantástico Matthew que recebe mais herança do que eu recebo conta pra pagar, vai salvar o dia. Veremos.

Bom, a história dos empregados eu até poderia contar em detalhes mas ahhhh, dado que o mais legal é a aristocracia, tem até uma traição onde o patrão dá uns pega numa empregada viúva alegre nova lá, eu não vou me prolongar muito.

Basta dizer que tem a Anna uma fofa que sofre que nem uma condenada pq gosta do Bates um coitado que é tão azarado que eu não quero nem chegar perto dele (bate na madeira) que tá preso e quase foi enforcado por não matar a esposa que até agora a gente não sabe quem matou (que mereceu pq era uma fdp).

Tem o Sr. Carson o mordomo que é o mais fiel escudeiro de toda a propriedade, adora a Mary e que é por incrível que pareça o mais preconceituoso com os próprios empregados e sua própria condição.

Tem a governanta que escolheu esperar… nunca se casou e nem vai.

Tem a cozinheira gordinha que quase ficou cega mas ae deram um vale-catarata pra ela e ela voltou pra casa novinha em folha. Eu achei que ela era diabética por isso tava ficando cega… só pq ela cozinha olha que maldade a minha!

Ah! nao posso deixar de citar que durante a guerra Downton virou um pardieiro do caramba com oficiais zanzando pra lá e pra cá numa espécie da casa de repouso e que a mulherada quase se engalfinhou pra ver quem mandava mais na casa. afff mulheres!

Tbm apareceu um jornalista escrotissimo que quase casou com a Mary, que obviamente sabia de podres e quando foi rejeitado ameaçou colocar tudo na rodinha mas ainda não colocou.

O bafo da trama é que a Mary deu uns amassos fortes num diplomata turco que de tão fortes ele bateu as botas na cama dela. Esse bafo já deu tanto rolo que ela vendeu a alma pro jornalista, a mãe teve que mentir pro pai, o empregado teve que subornar a ex esposa pra ela não dar com a língua nos dentes enfim… tretas!

Resumindo é isso… e sabe de que mais? O bafão? O Matthew nem ligou e pediu a Mary em casamento mesmo assim… claro que eu ainda to assistindo!

VEJAM! É bem legal! Bom, agora perdeu a graça eu já contei tudo né? Mas quem assistiu e quiser comentar, tamos ae. hehe

Beijos

Fabi

Marcado com: , , , , , , , , , , ,
Publicado em Um pouco de tudo

Palha italiana de comer de colher…

PrintTumblrShare

Ah mas eu tenho uma capacidade de inventar com as coisas que tenho em casa que nem conto pra voces!

O melhor é que raramente da errado.

Dessa vez foi com a palha italiana… em outro post eu coloquei a receita tradicional aqui no blog, foi sucesso mas eu ACONSELHO todos a tentarem essa versão.

Se o tradicional era bom, essa eu digo, é melhor! E claro que foi pq fui eu que inventei, pq mais seria?

Só pq vai nutella, amendoas e rosquinhas? Ahhhhh, não deve ser por isso! rs

Bom, vamos começar.

Primeiro vc pega um pacote de rosquinhas, pode ser das vagabundas mesmo, aquelas bolachinhas de criança sabe? Então, esfarela, pica, tudo numa tigela, com as mãos mesmo, tem que ter pelo menos umas 30 rosquinhas ok?

Dai vc pega 50 grs de amendoas e pica em pedaços e coloca tbm na tigela

Reserva.

Numa panela voce coloca 1 lata de leite condensado, 1 colher de sopa bem cheia de margarina e umas colheradas de chocolate do padre (o suficiente pra ficar da cor que vc acha melhor)

Coloca também uma colher de sopa cheia de nutella.

Liga o fogo e faz o brigadeiro (todo mundo sabe fazer brigadeiro ne? se não sabe pelo amor, pega uma receita por ai).

Pra ficar de comer de colher tem que tirar antes de estar desgrudando totalmente do fundo da panela, ou seja, um pouco mais mole mesmo.

Asssim que desligar a panela coloque as rosquinhas e as amêndoas nesse brigadeiro e mexa pra misturar bem. Com o fogo desligado hein? Ok.

Coloca num tabuleiro untado com manteiga, espalhe e deixe esfriar.

Depois de frio coloque nos potinhos com ajuda de uma colher, polvilha açúcar de confeiteiro em cima e manda bala!

É de comer rezando e pedindo pra faltar leite condensado no mundo e vc não pensar nisso todo dia!

Pode ser que achem uma heresia ou sei lá que me digam que eu não posso chamar essa invenção de palha italiana ou de brigadeiro de palha italiana mas o doce é meu eu chamo como quiser então essa é a minha versão da palha italiana de comer de colher e de joelhos!

image

image

image

Beijos adocicados,
Fabi

Marcado com: , , , , , , , , , , , , , , ,
Publicado em Um pouco de tudo

Translation?

receba o Blog!

Receba Fabilandia por email!

Ou assine via RSS!

Donate

Fabi no Flickr


Fabi no Tumblr

Sorry:
- No photos found. Check your ID.

Fabi no Pinterest